PALFINGER Blog
Conheça os tipos de guindastes e saiba como escolher o modelo para a sua operação

Como fazer a escolha correta de um guindaste articulado? Descubra

29.10.2020

A escolha correta do guindaste articulado é de extrema importância para qualquer operação, pois o equipamento pode prejudicar ou potencializar a atividade de quem o adquire. Um dos principais riscos de uma escolha incorreta do guindaste é em relação à aplicação do usuário, fazendo com que trabalhos não possam ser executados ou que tenham de ser realizados de maneira incorreta.

Outro fator importante é em relação ao caminhão do proprietário. Como o guindaste, na maioria das vezes, é montado sobre um caminhão com valor significativo, devem ser observados os cuidados necessários em relação aos limites de capacidade dos seus eixos, bem como a distribuição do centro de massa do conjunto, de maneira a preservar a sua integridade estrutural.

 

O que deve ser levado em conta na hora de escolher o melhor guindaste?

O primeiro passo na definição do guindaste é a aplicação pretendida para este equipamento. Na sequência, devem ser observadas quais são as características técnicas mais relevantes do guindaste à esta aplicação.

Por exemplo, para equipamentos destinados à carga e descarga de máquinas, a principal característica desejada deve ser o momento de carga do guindaste, visto que o objetivo é uma máquina para movimentar grandes pesos e a operação ocorrerá em uma distância curta.

Já para equipamentos destinados ao mercado ceramista, onde cada pallet é relativamente leve, mas devem ser descarregados em grandes quantidades e diversos locais, as principais características observadas devem ser a velocidade e o alcance do equipamento.

Segue alguns dos principais pontos que devem ser observados nessa escolha:

 

Tipos de guindastes: 

Existem dois tipos principais de guindastes articulados no Brasil, conhecidos como “trave” e “canivete”.

Os modelos trave são bem típicos do mercado brasileiro, onde na posição de transporte os braços são guardados com 90° entre si, como na imagem abaixo. Isso faz com que o centro de gravidade do equipamento fique deslocado do centro do caminhão, pois o conjunto de lanças é, normalmente, mais pesado que o resto do equipamento. Esse deslocamento implica em uma distribuição desigual de peso nos pneus do caminhão.

Outro ponto negativo desse tipo de equipamento é que as lanças ficam, normalmente, abaixo da linha do chassi do veículo. Isso faz com que haja a necessidade de deslocamento de componentes. Como ponto positivo, pode-se destacar a maior capacidade de carga no pé, porém essa vantagem é diminuída quanto maior for o raio de operação. 

 

                                   

 

Já os modelos canivete são considerados como o padrão no resto do mundo e foram introduzidos no Brasil pelas fabricantes com atuação em outros mercados. Esses modelos, em posição de transporte, têm todos os seus componentes acima da linha do chassi do veículo e o centro de massa centralizado, pois ficam em uma posição semelhante a um canivete, como na imagem abaixo. Uma desvantagem desse tipo de modelo é que, ao remover o braço posterior da posição de transporte, é necessário pressurizar o cilindro de inclinação em guindastes que não possuem o sistema de bielas.

 

                                         

Este modelo também apresenta um ângulo de operação maior entre os braços se comparado ao modelo trave. Os modelos canivete são recomendados para aplicações onde é necessário alcançar cargas próximas ao guindaste, como mostrado na figura abaixo, já os modelos trave enfrentam dificuldade em atingir isso. 

                                                                      

Classificação normativa:

É de extrema importância verificar se o equipamento a ser adquirido foi projetado e testado conforme alguma norma, seja ela nacional (NBR 14768) ou internacional (EN 12999). Isso garante que os requisitos mínimos de segurança foram seguidos e que o equipamento é seguro para uso.

 

Momento líquido de carga (M):

É a principal característica dos guindastes e que define a nomenclatura da maioria dos equipamentos do mercado brasileiro. É uma relação entre a capacidade de carga e a distância que o guindaste pode atuar.

 

Gráfico/tabela de cargas para guindastes:

Deve ser sempre consultado ao analisar a realização de uma aplicação. Nele estão dispostas as cargas e distâncias para cada extensão do equipamento e, em alguns mais completos, também estão dispostas as linhas de carga do guindaste, como no exemplo abaixo do modelo PK 17.001 SLD C.

                                                        

Neste gráfico de carga para guindaste, vemos as possíveis combinações de cargas e distância horizontal desse equipamento (Ex.: 2.400 kg a 6,2 metros). As linhas pretas representam o alcance máximo vertical para essas mesmas cargas destacadas. Esse plano de carga para guindaste é fundamental para a eficiência da operação. É com ele, por exemplo, que é possível responder questões como “um guindaste deve erguer verticalmente uma carga de uma tonelada?”. Um gráfico adequado de cada modelo responde todas essas questões e alinha a capacidade de carga do guindaste para cada situação.

 

Sistema de bielas:

Outra característica importante que deve ser analisada ao adquirir um equipamento é se ele possui algum tipo de sistema de bielas entre os braços e cilindros de elevação e inclinação. Esse é um sistema que faz parte da concepção do guindaste, portanto não é possível ser tratado como opcional.

                                                           

 

Este sistema oferece vantagens como:

- Estabilidade na velocidade dos movimentos do guindaste;

- Capacidade de carga vertical;

- Aumento do ângulo de trabalho e possibilidade de ângulo negativo;

- Auxílio na transição de posição de transporte para posição de trabalho.

 

Alcance horizontal:

Determina até que ponto o guindaste consegue operar e com que facilidade. Em equipamentos com alcance curto pode ser necessário o reposicionamento do veículo diversas vezes para que a operação seja concluída, gerando uma demora desnecessária.

 

Peso do equipamento:

Fator tem grande importância durante a escolha de aquisição. Essa característica influencia diretamente em qual veículo poderá ser instalado o guindaste. Além disso, um menor peso do equipamento gera menor desgaste de pneus e componentes de suspensão do caminhão, além de liberar maior capacidade de carga útil na carroceria do caminhão.

 

Alcance vertical:

O alcance vertical se assemelha ao alcance horizontal, porém é de extrema importância em situações de transporte de cargas em altura, como o depósito de materiais de construção em prédios. 

 

Velocidade:

Este critério é especialmente importante para aplicações em que há diversas cargas para serem içadas, como é o caso da construção civil.

A velocidade pode ser prejudicial para operações delicadas e com cargas altas. Com isso em mente, alguns fabricantes oferecem um modo de “Alta Pressão e Baixa Velocidade” que aumenta a pressão do guindaste, dando mais força a ele, em troca de uma diminuição de velocidade.

No geral, maior velocidade resulta em maior agilidade e, consequentemente, maior produtividade e rentabilidade para o proprietário. Devido ao menor tempo de operação, o equipamento fica disponível para outros trabalhos mais rapidamente e o veículo tem menor consumo de combustível, ou seja, melhor rendimento.

 

Estudo de Integração Veicular:

Este estudo de integração veicular contempla o cálculo de reação nos eixos do veículo e o cálculo de estabilidade do conjunto. O estudo tem como objetivo garantir a segurança do usuário e evitar que um guindaste tombe por falta de estabilidade, além de atender a legislação em relação à distribuição de peso máximo sobre os eixos do veículo.

 

Ergonomia:

Os comandos de operação na posição horizontal trazem mais conforto ao operador e segurança (ergonomia de acordo com a legislação do Ministério do Trabalho - NR12). Já os guindastes com o comando na posição vertical podem trazer riscos, visto que se o operador tiver um mal súbito ou desequilíbrio, poderá cair e se machucar.

 

Preço de revenda:

Equipamentos de marcas confiáveis têm menor desvalorização de mercado. Uma marca de reputação e reconhecimento no mercado pode ter um preço de revenda até 30% superior do que uma marca menos reconhecida.

 

Pós-vendas e serviços:

Fabricantes consolidados e que têm maior histórico e presença no mercado tendem a ser mais confiáveis, além de terem uma maior rede de serviços e maior disponibilidade de peças de reposição.

 

Opcionais:

Outro ponto a ser observado na aquisição de um guindaste são os opcionais oferecidos pelo fabricante e como eles podem melhorar a operação do seu equipamento. Exemplos de opcionais são: controle remoto, sistema de proteção de sobrecarga, controle de estabilidade em operação, guincho de cabo e cesto acoplado para pessoas.

 

PALFINGER é líder mundial no segmento 

A PALFINGER é líder mundial e referência em guindastes articulados. O grupo PALFINGER conta com mais de 85 anos de história, é líder em tecnologia e produção de equipamentos hidráulicos, contando com 35 unidades fabris ao redor do mundo, com mais de 5.000 pontos de vendas e assistência técnica em 130 países nos cinco continentes

Hoje, a empresa conta com 19 modelos de guindastes de fabricação nacional, sendo 16 modelos canivete e 3 modelos trave. Os modelos fabricados no Brasil variam de 6 a 60 toneladas-metro de momento de carga. Nos modelos canivete, a PALFINGER Brasil conta com duas linhas principais de produto: Performance e SLD.

A SLD é uma das novas linhas de produto da PALFINGER e nasceu com o objetivo de trazer mais capacidade de carga e manter o mesmo peso dos equipamentos da linha Performance. No momento, a marca já lançou cinco modelos dessa linha: PK 7.001 SLD, PK 8.501 SLD, PK 11.001 SLD, PK 13.501 SLD e PK 17.001 SLD.

Esta linha de produto tem como concepção ser um produto global, ou seja, obter os mesmos níveis de qualidade que os produtos fabricados na Europa em qualquer lugar do mundo. Isso representa um grande salto de qualidade nos produtos e garante uma excelente experiência aos usuários, com diversos opcionais disponíveis e conforto na operação.

Além disso, a PALFINGER conta com diversos modelos fabricados em outras plantas do grupo com as linhas Performance, High Performance, SLD e TEC chegando a capacidades de até 150 toneladas-metro e atingindo até 42,7 metros de alcance.

 

Empresa conta com centro de pesquisa e desenvolvimento para soluções em inovação

A PALFINGER possui um grande foco em inovação, tendo um centro de pesquisa e desenvolvimento em Viena especialmente para esse propósito, denominado PALFINGER 21st. Nesse espaço, são desenvolvidos os sistemas de controle, segurança, automatização e novas tecnologias que chegarão ao mercado nos próximos anos.

Outro ponto de diferenciação da marca é a confiança e durabilidade dos equipamentos. Com equipamentos projetados seguindo as mais rigorosas normas, os equipamentos PALFINGER tem uma vida útil longa e com o mínimo de problemas para os usuários.

Também são oferecidas diversas opções de customização dos produtos, de acordo com as necessidades especiais de cada cliente. Isso faz com que os clientes possam contar com a PALFINGER para as mais diversas aplicações, sempre com a qualidade já conhecida.

Interessado em adquirir um guindaste para a sua operação? Solicite uma cotação a PALFINGER ou encontre seu parceiro de vendas da marca aqui.

 

Contribuiu para este artigo:

Engº Juliano Menegolla

Executivo de Produtos - Guindastes

SOBRE O GRUPO PALFINGER

Há muitos anos o grupo PALFINGER é um dos lideres mundiais em tecnologia e produção de equipamentos hidráulicos para movimentação de cargas, instalados em veículos comerciais e navios. Como um grupo multinacional, sediado em Salzburg, na Áustria, seus aproximadamente 11.000 funcionários geraram vendas globais de EUR 1,75 bi em 2019.

O Grupo conta com unidades fabris e de montagem na Europa, nas Américas do Sul e do Norte e na Ásia. A inovação, internacionalização de produtos e serviços, aliados a uma maior flexibilidade e ao PALFINGER 21° (desenvolvimento de soluções inteligentes e inovadoras na era digital), formam os pilares de nossa estratégia corporativa. A PALFINGER é reconhecida não apenas como um líder mundial, mas também como um líder em tecnologia no mercado de guindastes articulados. Com cerca de 5.000 pontos de vendas e assistência técnica em 130 países nos cinco continentes, a PALFINGER está estrategicamente alocada próxima aos seus clientes.

PARA MAIORES INFORMAÇÕES
Departamento de Comunicação e Marketing
Marcos Oliveira 
T (54) 3016.7000 | m.oliveira@palfinger.com